Veja aqui: 4 dicas para evitar paradas na construção civil

02/08/2018

Problemas em máquinas e equipamentos é uma das principais causas de paradas dentro das indústrias e na construção civil não é diferente. Essas situações acabam atrasando e prejudicando toda a produção e muitas vezes, esses problemas podem ser evitados através de estratégias simples e eficientes, que garantem o melhor desempenho.

 

Para evitar problemas de máquinas e equipamentos, os serviços de assistência técnica tornam-se indispensáveis, essa é a principal maneira de manter ativo o trabalho na construção civil. Sabemos que um melhor atendimento garante ao seu cliente bons resultados e com isso confiança, gerando maior credibilidade nos serviços prestados. Para te ajudar a fugir de problemas maiores, preparamos para você 4 dicas para evitar paradas na construção civil. Vamos começar? 

 

 

1. Leia as instruções dos manuais

É extremamente importante ao adquirir um equipamento industrial, seguir as recomendações do fabricante para intervalos de manutenção, trocas de peças e outros ajustes.
As máquinas e equipamentos devem ser submetidos à manutenção preventiva e corretiva de equipamentos industriais, na forma e periodicidade determinada pelo fabricante onde, com potencial de causar acidentes do trabalho, devem ser objeto de planejamento e gerenciamento efetuado por profissional legalmente habilitado. Estas, devem ser registradas em livro próprio, ficha ou sistema informatizado com os dados necessários para o acompanhamento do cronograma de manutenção e demais observações pelo responsável pela execução das intervenções, na qual deve ficar disponível aos trabalhadores envolvidos na operação, manutenção e reparos, bem como à Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA, ao Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho - SESMT e à fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego.

 

 

2. Manutenções nos equipamentos 

A manutenção preventiva e periódica de equipamentos industriais elimina diversos danos em sua empresa e garante diversos benefícios.

A falta de manutenções periódicas pode gerar problemas de segurança, riscos de incêndios e desperdício de energia elétrica. Fazer manutenções preventivas de equipamentos industriais é de extrema importância para qualquer segmento, pois além de verificar sempre a segurança e o estado de um equipamento é através desses cuidados que garantimos uma vida útil maior aos equipamentos.

 

 

3. Assistência técnica em máquinas  

É natural que os equipamentos não suportem todas às adequações e com o passar do tempo percam sua funcionalidade, afinal, tudo tem um prazo de vida útil. Com isso, podem ocorrer falhas e perdas de funcionamento, prejudicando o andamento da indústria e gerando riscos aos operadores. É neste momento que destacamos a importância de uma assistência técnica em máquinas de qualidade, feita por profissionais qualificados e preparados para atender qualquer demanda que possa surgir, realizando vistorias periódicas em instalações elétricas e fazendo sempre que possível as reformas e trocas que forem necessárias.

 

Mas, é preciso ter em mente que não é qualquer assistência técnica em máquinas que garantirá o melhor funcionamento da mesma. Para que não ocorram problemas, a empresa que está oferecendo este suporte precisa estar sempre executando estes serviços seguindo um rígido padrão de qualidade e segurança, baseando-se nas regulamentações pelas normas vigentes (NR-12 e NR-10). Além disso, a empresa de manutenção industrial precisa oferecer uma estrutura interna focada em resultados, dispondo de todo suporte interno para a sua empresa, com profissionais altamente treinados e capacitados.

 

 

4. Diagrama de causa e efeito na manutenção de equipamentos 

O Diagrama de Ishikawa - conhecido também por Diagrama de Causa e Efeito ou ainda Diagrama de Espinha de Peixe - é uma ferramenta visual que levanta todos os problemas e situações de atenção e assim auxilia a descobrir quais suas verdadeiras causas-raízes. A ideia principal desta ferramenta é auxiliar as pessoas a identificar as verdadeiras causas de um problema.

 

Esta ferramenta leva em conta que todos os tipos de problemas podem ser classificados em 6 tipos diferentes de causas principais que afetam os processos: Método, Matéria-prima, Máquina, Medição, Mão-de-Obra, Meio Ambiente.

 

O diagrama de causa e efeito, quando bem estruturado, traz vantagens que podem reduzir ou até mesmo eliminar as chances de ocorrerem novas paradas nas indústrias. Entre suas vantagens, podemos destacar:

 

  • Entender melhor como são formados os problemas nos processos;

  • Levantar e identificar possíveis causas dos problemas;

  • Definir níveis de importância para cada causa;

  • Descobrir de forma eficiente o que está causando os problemas e soluciona-los de forma correta;

  • Melhorar processos e produtos;

  • Descobrir outros pontos de melhoria à medida que desdobra um problema.

 

É importante destacar que, a manutenção, inspeção, reparos, limpeza, ajustes e outras intervenções que se fizerem necessárias devem ser executadas por profissionais capacitados, qualificados ou legalmente habilitados, formalmente autorizados pelo empregador, com as máquinas e equipamentos parados.

 

Aplicando essas ideias, é possível desenvolver uma gestão eficiente da manutenção e eliminar as paradas na construção civil, o que fará a sua empresa render mais e proporcionar ainda mais qualidade para seus clientes.

Gostou do nosso conteúdo? Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais? Então escreva para a gente, entre em contato e vamos conversar!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Notícias Recentes
Please reload

Rua Sérgio Sabel, 247. Ilha da Figueira.

|

(47) 2106-3300

|

  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Google+ - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

Copyright 2018 © SDS Automação. Automação Industrial

Financiamento